Paisagismo Funcional: você sabe o que é?

Um projeto de paisagismo pode ir muito além do que apenas fazer um jardim bonito. O paisagismo funcional traz a proposta da criação de espaços que, além de apresentarem a importância estética, desempenham uma função. Os jardins são planejados de acordo com uma finalidade desejada, por exemplo, a de fornecer alimentação, ser educativo ou terapêutico ou para restauração ambiental.

Veja baixo algumas finalidades possíveis:

Jardim sensorial:

Objetiva a percepção e a valorização do mundo natural através de outros sentidos além da visão: tocar, cheirar e ouvir. É um valioso instrumento da educação inclusiva.

Horta e pomar:

Propiciam o resgate do contato com a terra, além da reflexão sobre a importância de uma alimentação natural e equilibrada. Podem ser implantadas também composteiras e minhocários.

Canto das ervas:

Cultivo de ervas medicinais, condimentares e aromáticas. Além da utilização doméstica, possibilita a realização de diversas atividades como oficinas de culinária, chás e limpeza natural.

Refúgio das aves e borboletas:

Jardim composto por espécies vegetais e estruturas que permitem a atração e observação de aves e borboletas por oferecerem a estes animais alimento e abrigo.

​​Jardim de flores comestíveis

Há uma diversidade de plantas que tem flores comestíveis. Neste jardim, que une beleza e paladares, temos a oportunidade de descobrir novos sabores e formas criativas de criar alimentos.

Jardim filtrante

Tratam água de chuva ou usada nas casas e indústrias. É utilizado para tratar esgotos domésticos e efluentes industriais, condicionar lodos de estações de tratamento de esgoto, produzindo um composto fertilizante, além de revitalizar rios e lagos.​​​​​​

Quer fazer alguns destes jardins? Fale conosco! Atendemos toda Curitiba e Região Metropolitana.

Posts Em Destaque
Posts Recentes